quinta-feira, 16 de abril de 2015

Israel: confirmada aplicação de injeção anticoncepcional em judias etíopes

Sanguessugado do Bourdoukan

Georges Bourdoukan

A entidade de direitos humanos israelense ACRI denuncia que as injeções de Depo-Provera -acetato de medroxyprogesterona - aplicadas sem a concordância expressa das mulheres etíopes que chegam a Israel, resultam numa "esterilização mascarada" na prática, por sua longa duração.

Milhares de mulheres recebem essas injeções.

Como mostrou a TV, a aplicação inicial das injeções é feita nos campos de trânsito ainda na Etiópia sob intimidação e ameaça.

Leia mais em http://www.haaretz.com/news/national/israel-admits-ethiopian-women-were-given-birth-control-shots.premium-1.496519

                          Em busca da pureza racial

beitar puro para sempre

Incêndio na sede do clube Beitar Jerusalém ocorre após contratação de dois jogadores muçulmanos

Um incêndio na sede do principal clube de futebol de Jerusalém trouxe à tona o debate sobre o crescente racismo anti-islâmico na sociedade israelense.

A polícia suspeita que torcedores do próprio Beitar Jerusalém atearam fogo ao prédio revoltados com a contratação de dois jogadores muçulmanos da Chechênia.

O time era o único de Israel a manter uma política de colocar em campo apenas atletas judeus e seus torcedores são conhecidos pela violência e radicalismo de extrema direita.

No último jogo da equipe, quando já havia sido confirmada a contratação dos dois jogadores chechenos, a torcida abriu uma bandeira na arquibancada com um recado: "Beitar puro para sempre".

A frase é semelhante às usadas na Alemanha nazista para justificar a expulsão de judeus de clubes esportivos.

O pior caso envolvendo a torcida ocorreu no ano passado. Aos gritos de "Morte aos árabes", fãs do Beitar Jerusalém invadiram um shopping center e atacaram funcionários árabes.

Human Rihgt Watch Critica a Israel por Violar as Leis de Guerra em Gaza

Leia mais em http://www.almanar.com.lb/spanish/adetails.php?eid=28349&cid=23&fromval=1&frid=23&seccatid=29&s1=1#.UR06U5C6fy4.mailto

Nada disso recebe o devido destaque na mídia ocidental que insiste em afirmar que "Israel é um estado democrático".

E ha quem acredite...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários são como afagos no ego de qualquer blogueiro e funcionam como incentivo e, às vezes, como reconhecimento. São, portanto muito bem vindos, desde que resvestidos de civilidade e desnudos de ofensas pessoais.
As críticas, mais do que os afagos, são benvindas.