sábado, 3 de janeiro de 2015

De Israel aos palestinos: feliz dois mil e quinze

Sanguessugado do Bourdoukan

Georges Bourdoukan

O nosso maltratado planeta

aguarda ansiosamente

que a humanidade encontre o seu caminho

Sem explorados e sem exploradores

Sem oprimidos e sem opressores

Uma só humanidade

Independente de nossas crenças

ou de nossas verdades

E abaixo, Elizeth Cardoso e Jacob do Bandolim - Barracão de Zinco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários são como afagos no ego de qualquer blogueiro e funcionam como incentivo e, às vezes, como reconhecimento. São, portanto muito bem vindos, desde que resvestidos de civilidade e desnudos de ofensas pessoais.
As críticas, mais do que os afagos, são benvindas.