quinta-feira, 16 de julho de 2015

Glória ao povo palestino

Sanguessugado do Bourdoukan

Georges Bourdoukan

Que não se deixa abater pelo roubo de suas terras,

Que não se deixa abater pelo roubo de suas águas,

Que resiste aos invasores com pedras,

Que resiste às bombas de fósforo e urânio,

Que não deixa o muro do apartheid abafar seus gritos.

Que não esmorece quando destroem seus hospitais e escolas.

Glória ao povo palestino,

Última resistência da humanidade

Contra os senhores das trevas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários são como afagos no ego de qualquer blogueiro e funcionam como incentivo e, às vezes, como reconhecimento. São, portanto muito bem vindos, desde que resvestidos de civilidade e desnudos de ofensas pessoais.
As críticas, mais do que os afagos, são benvindas.