segunda-feira, 23 de março de 2015

Os judeus foram sempre vítimas do Ocidente

Sanguessugado do Bourdoukan

Georges Bourdoukan

Em sua ojeriza contra o islamismo o Ocidente, com apoio de pústulas que se dizem muçulmanos, tentou transformar o Iran no inimigo da humanidade.

Um país de cultura milenar, acossado por todos os lados, a ponto de ser o alvo preferido da mídia analfabeta, inculta e ignorante.

Tentaram transformar o país de Artaxerxes e Dario no inimigo numero um do judaísmo, quando se sabe que os judeus foram sempre vitimas do Ocidente.

E sobreviveram graças ao abrigo que lhes proporcionaram os muçulmanos.

Mas sejamos francos.

A ojeriza do Ocidente não se dá por si só.

Ele conta com o apoio dos pústulas acima e de seus ecos que se dizem judeus.

Supostos muçulmanos e supostos judeus, engrossam o coro contra a religião mais tolerante das 3 monoteístas.

E por favor, não vamos confundir a religião com seus intérpretes.

Tanto judeus, quanto cristãos e muçulmanos, quando se põem a interpretar os livros sagrados, buscam não a glória de Deus, mas a sua própria.

Deus e os profetas são hoje o principal empecilho dessa gente que só consegue enxergar o ódio.

E claro, alimentados pela própria ignorância que odeia a diversidade e tem pavor do diferente.

Mas essa é a própria história da humanidade que até hoje exalta o individual e odeia o coletivo.

Um comentário:

  1. As crianças cubanas são as únicas no mundo que dormem nos campos de trabalhos forçados!

    ResponderExcluir

Comentários são como afagos no ego de qualquer blogueiro e funcionam como incentivo e, às vezes, como reconhecimento. São, portanto muito bem vindos, desde que resvestidos de civilidade e desnudos de ofensas pessoais.
As críticas, mais do que os afagos, são benvindas.