terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Judeus apoiam Palestina livre também no Brasil

Sanguessugado do Outras Palavras

Sérgio Storch

141202-Palestina

Dezenas de pessoas firmam Carta Aberta e articulam-se internacionalmente na resistência às novas ações racistas do governo israelense

 

Uma onda dissidente na comunidade judaica brasileira vem acumulando forças e se articulando com setores importantes no movimento dentro de Israel pelo fim da ocupação. Às vésperas do Dia Mundial de Solidariedade ao Povo Palestino (29/11),  judeus brasileiros que incluem lideranças de vários grupos juvenis e dezenas de intelectuais, artistas e profissionais liberais de 7 das maiores cidades brasileiras, e também pessoas residentes na Austrália, Israel e Turquia, divulgaram uma carta de apoio a iniciativa de 660 israelenses, que pedem a parlamentares da União Europeia para atuarem para que seus países reconheçam o Estado Palestino

O movimento responde também à tensão derivada de ações do governo israelense, comandado pelo primeiro-ministro Banyamin Netanyahu com provocações aos palestinos na questão de acesso a seus lugares sagrados, e com um projeto de lei submetido ao Knesset (Parlamento), que pretende instituir oficialmente a discriminação a não-judeus.

Diferente de iniciativas pontuais anteriores, desta vez a campanha prosseguirá acumulando força para catalisar outras iniciativas na Diáspora judaica que fortaleçam os setores em Israel que resistem à direitização e ao racismo crescentes na sociedade israelense. A expectativa dos organizadores (rede JUPROG – Judeus Progressistas) é alcançar 1000 assinaturas qualificadas em 60 dias (120 foram obtidas em 10 dias, e agora se inicia um processo multiplicativo pelas redes sociais.

Esse movimento ocorre num contexto em que até nos Estados Unidos, que têm a maior comunidade judaica fora de Israel, com população quase equivalente, já se produziram rupturas no coração do establishment judaico. Vale ouvir, por exemplo, a entrevistaao Democracy Now do veterano Henry Sigman, líder do Congresso Judeu Americano [American Jewish Congress]

A Carta Aberta de judeus brasileiros em apoio a israelenses pelo fim da ocupação (com versão em inglês para ser utilizada em Israel e outros países) encontra-se aqui. É possível assiná-la via internet e conhecer a lista dos que já a firmaram.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários são como afagos no ego de qualquer blogueiro e funcionam como incentivo e, às vezes, como reconhecimento. São, portanto muito bem vindos, desde que resvestidos de civilidade e desnudos de ofensas pessoais.
As críticas, mais do que os afagos, são benvindas.